Francilene faz graves denúncias contra o prefeito - Câmara Municipal de Pedro Laurentino Piauí
Notícias »
18/01/2016 às 10h27 - Atualizada em 01/03/2016 às 07h36
Francilene faz graves denúncias contra o prefeito

Vereadora e Presidente da Câmara Francilene faz graves denúncias contra o prefeito Hernande de Pedro Laurentino






 



P.C: Vereadora é um prazer tê-la pela primeira vez, nas páginas do nosso portal.


 


Vereadora Francilene: O prazer é todo meu Cícero, quero em primeiro lugar saudar a todos do Portal Carnaúba, a todos os pedrolaurentinenses, a todos os irmãos em Cristo que eu sempre costumo saudá-los assim e dizer que estou à disposição da população sempre que necessário para cumprir meu papel como vereadora e a sua disposição também.


 


P.C: Presidente a princípio como se encontra o município de Pedro Laurentino, haja vista que o comentário na cidade de São João do Piauí é que o município está todo desorganizado, isso procede?


 


Vereadora Francilene: Sim, a questão da organização a gente sempre tem essa preocupação junto com as demais lideranças, o planejamento que acredito que não tenha surgido efeito já que foi feito pelo atual gestor, a população está sofrendo com isso em relação a pagamentos dos funcionários estão atrasados, estamos atentos em fazer as cobranças, e é o nosso papel, fizemos ano passado vários requerimentos, ofícios e o atual prefeito não teve a delicadeza de pelo menos responder.


 



P.C: Vereadora é um prazer tê-la pela primeira vez, nas páginas do nosso portal.




Vereadora Francilene: O prazer é todo meu Cícero, quero em primeiro lugar saudar a todos do Portal Carnaúba, a todos os pedrolaurentinenses, a todos os irmãos em Cristo que eu sempre costumo saudá-los assim e dizer que estou à disposição da população sempre que necessário para cumprir meu papel como vereadora e a sua disposição também.



 

P.C: Presidente a princípio como se encontra o município de Pedro Laurentino, haja vista que o comentário na cidade de São João do Piauí é que o município está todo desorganizado, isso procede?

Vereadora Francilene: Sim, a questão da organização a gente sempre tem essa preocupação junto com as demais lideranças, o planejamento que acredito que não tenha surgido efeito já que foi feito pelo atual gestor, a população está sofrendo com isso em relação a pagamentos dos funcionários estão atrasados, estamos atentos em fazer as cobranças, e é o nosso papel, fizemos ano passado vários requerimentos, ofícios e o atual prefeito não teve a delicadeza de pelo menos responder.


Nós sentimos muito porque ficou atrasados alguns esclarecimentos para a população, mas adianto de já que não estamos parados, fizemos algumas denúncias sim, já que estamos na oposição fizemos algumas denúncias, algumas pessoas são sabedoras porque tiveram a curiosidade de ver no site. Nós temos a grande preocupação quando se trata de atraso e procuramos o prefeito, os secretários e em especial a secretária de educação que é a área que sou muito ligada, já que sou professora, então o que eles dizem é que não tem dinheiro, o dinheiro não dá para pagar, que não tem recurso, que o recurso é pouco e os débitos são muitos. Mas nós sabemos que todos os meses entram recurso, mesmo pouco se acumula um mês, acumula dois, eu acredito que juntando o montante dos dois meses dá para pagar pelo menos um.

Nós nos encontramos hoje, em Pedro Laurentino numa situação de que os professores efetivos estão com um mês em atraso já que hoje são 15, pagaram um mês ontem, os serviços gerais também estão com dois meses mais o décimo terceiro atrasados caminhando para o terceiro mês, e essa é uma das grandes preocupações já que se trabalha para se receber, porque que não tem essa sensibilidade de estar pagando essas pessoas, está cumprindo com o compromisso, já que acreditaram e investiram nessa gestão, como administrador, então essa é a nossa preocupação.




P.C: A senhora poderia me discorrer como se encontra algumas áreas da administração, como por exemplo a educação?




Vereadora Francilene: Na última sessão realizada na Câmara, tivemos a presença da secretária, solicitamos por requerimento, assim também como o senhor prefeito Hernande José esteve lá e a secretária Isleide Jericó para prestar esclarecimentos por conta do atraso desses pagamentos, estiveram lá, fizeram suas considerações mas não sanaram o problema, continua atrasado.


Mas em termo de trabalho os professores estão de parabéns não se vê falar em greve, em paralização, são pessoas de compromisso, trabalham porque gostam do oficio, a educação teve um avanço muito grande em termos de IDEB, a educação está muito boa, o trabalho dos professores está muito bom , só falta mesmo a questão do pagamento que está atrasado,  por mais que a gente questione a resposta é sempre a mesma que o recurso não dá, mas não dá porque se no portal da transparência nós temos como saber que esse recurso veio, então fica um sinal de interrogação muito grande, porque que não é correspondido esse lado dos funcionários, porque que não é visto os direitos deles, já que foram feitas negociações desde 2012, décimo terceiro, férias a metade das férias, porque que não cumprem, então eles ficam desacreditados dessa maneira.

P.C: E a saúde?




Vereadora Francilene: A saúde é outra área muito delicada, já que trata-se de vidas, a atual secretária a Cássia Rodrigues, o pagamento está em dia, a remuneração está em dia, mas em termos de atendimento está precário, temos um médico, temos enfermeira a disposição, mas se precisar de ambulância você não tem, se precisar do carro que foi comprado para ficar à disposição da secretaria, não tem pneu no carro, não tem gasolina, quinta-feira mesmo teve pacientes que fazem hemodiálise em Picos e o pai teve que fazer vaquinha, hoje cedo ele teve que retornar e foi lá em casa, graças a Deus é vizinho da gente, a gente ajuda todo prazer, não estou falando isso para me enaltecer de jeito nenhum, é simplesmente para dizer que é falta de compromisso, irresponsável da parte dos gestores deixar faltar combustível na secretaria de saúde.


Eu sei desse depoimento que vou dar agora, porque falei com o motorista e ele pediu, “vereadora tem como você fazer uma viagem urgente, porque a ambulância foi até um paciente chegou lá deu o prego e pronto e o paciente está precisando ir para São João urgente”, emprestei meu carro, assim como aconteceu com outro vereador também, não é porque somos da oposição que estamos falando, que estamos denunciando, é porque está acontecendo lá em Pedro Laurentino é nesse sentido e a gente vê os balancetes, estão lá as notas fiscais, os comprovantes de posto de gasolina a quantidade de gasolina que é disponibilizada mas mesmo assim, cadê o recurso que vem para manter essa ambulância funcionando, para manter esses veículos na linha a disposição dos pacientes? Tem o médico sim, inclusive ele está fazendo o atendimento, mas e os remédios, não tem um anador, na farmácia básica digo isso porque as pessoas nos procuram porque não tem um remédio de verme, não tem.

P.C: Por falar em carros, houve alguns comentários, inclusive tem até uma denúncia da senhora mesmo, em relação um carro que foi locado pela prefeitura de Pedro Laurentino e que esse carro nunca apareceu por lá, eu gostaria que a senhora esclarecesse esse assunto, procede?




Vereadora Francilene: Procede sim, nós mediante algumas informações, claro que temos como bússola o balancete que chega sempre em nossas mãos, e averiguando, comprovamos que realmente foi locado um carro para ficar à disposição do gabinete do prefeito, onde esse carro ninguém identificou como carro do município, ou seja, os carros que circulam por lá não batem com a discrição, nem com a placa que constam na prestação de contas. É ai onde a gente entra com a pergunta, loca-se um carro desse com dinheiro, com um absurdo de alugueis, funcionários que não moram no município que não trabalham não dão expediente, estou aqui com algumas denúncias que peguei.




P.C: A senhora está dizendo que existem funcionários que recebem de lá, nunca pisaram, não moram lá?




Vereadora Francilene: Inclusive moram em outros municípios, não trabalham lá, não dão expediente, principalmente os que são do gabinete do prefeito, não dão expediente e todo santo mês, estão na prestação de conta, pagando tudo bonitinho.


O que me deixa mais indignada é isso, o porquê dessas denúncias, porque tem funcionários que não dão expediente, que não estão trabalhando e o trabalhador contratado ou efetivo que sai da sua casa todo santo dia, para dar expediente, para mostrar que tem compromisso, para fazer seu trabalho, fazer funcionar uma secretaria de educação, ou qualquer outra secretaria, contribuindo com o desenvolvimento do município.

Então porque que não são merecedores do pagamento em dia, e esses que não dão expediente estão nessas folhas de pagamento, recebem seu pagamento como consta nos balancetes todos os meses. A minha indignação enquanto estou fazendo esta denúncia, enquanto estou vereadora é porque tem funcionários sem receber, se faz despesas, não se tem uma preocupação de fazer cortes, de fazer economias, e pensar no funcionário como serviços gerais que trabalhou a dois meses e está lá sem receber, que tem seu direito do 13º, do seu um terço de férias e não recebe, enquanto os demais que recebem não moram no município e não dão expediente.




P.C: A senhora poderia me discorrer uma grande obra que está sendo construída, ou que ainda será construída pela atual administração, tem alguma grande obra lá?




Vereadora Francilene: Eu não vou dizer que não tem, porque já foi feita licitação, as grandes obras que tem em fase de construção no município são as UBAS, são duas, uma na região da Boa Cica na Conceição e outra na sede, na cidade que está incompleta. Inclusive nós estamos com a documentação que pegamos no ministério da saúde em Teresina, para averiguar o andamento, quantas parcelas entraram e quando será entregue essas UBAS, para fazermos o acompanhamento, porque as obras estão paradas, pegamos informações com algumas pessoas, mas não vou citar porque não tenho certeza, não tenho provas, mas vou analisar a documentação que eu trouxe de Teresina e dou uma resposta em relação a construção dessas UBAS.




P.C: Impossível conversar com a senhora na qualidade de vereadora e não perguntar se a senhora pretende pleitear a reeleição?




Vereadora Francilene: Sim, com certeza meu nome está à disposição, sou pré-candidata a vereança no município.




P.C: Gostaria que a senhora me desse a sua análise do passo que foi dado pela oposição em Pedro Laurentino, da união de todos os vereadores da oposição com Carlinhos Reis e Leôncio Leite e toda sua família, isso causou um impacto impressionante no mundo político, como se deu isso?




Vereadora Francilene: Realmente foi um verdadeiro reboliço como a gente diz, mas Cícero eu sou muito grata pela maneira que eu fui recebida na oposição, a partir do momento que nós tomamos a decisão que estaríamos saindo da situação, fazendo um compromisso, nos unindo a oposição, eu senti aquele calor humano que a gente precisa sentir da população, das pessoas que acreditam no nosso trabalho, que gostam da minha pessoa, tanto da minha pessoa como do meu esposo. Tivemos depoimentos de pessoas que ficamos até emocionados, dizendo que acreditavam e que agora que viemos para oposição, o grupo passou a ter um novo olhar, a ter um novo impulso e em se tratando de aliança de grupo, o grupo dos Leite que é conhecido popularmente no município em Pedro Laurentino, é um grupo forte unido, são pessoas verdadeiras estão no grupo por gostam, por querem estar, e agora mais ainda em nos abraçar eles querem dizer que querem a diferença, então nós estamos juntos para poder fazer a diferença trazer a mudança.


O Carlinhos é uma liderança muito forte, um político de representação no município, assim como toda sua família, seu Zé Carlos um dos primeiros políticos residentes no município, mora no município e depois que sentamos e conversamos e passamos a ver que era possível fazer uma aliança, então sentamos e conversamos e deu certo, tem muito para ser combinado, tem muito para ser conversado ainda, mas está tudo bem.

Quero dizer que da minha parte estou muito satisfeita, fui muito bem recebida na oposição, estou no grupo e estamos para trabalhar em prol do desenvolvimento do município e dar essa continuidade na política, porque me identifico com a política social, na política pública mesmo nas diversas áreas existentes, nós viemos para somar, estou à disposição do grupo, eles são sabedores, as lideranças políticas do grupo sabem, e nos colocamos, tanto eu como meu esposo e meu cunhado Paulo Sérgio nos colocamos a disposição, estamos para fazer a diferença.




P.C: As denúncias que foram protocoladas pelos vereadores da oposição.




Vereadora Francilene: Nós fizemos umas denúncias, em relação a algumas irregularidades, inclusive a atual secretária de educação Isleide Jericó ela está lotada na folha do FUNDEB, 60% como se estivesse trabalhando 40h sendo que ela não está exercendo o cargo de professora, ela está como secretária de educação. Nós fizemos a apresentação desse problema a um advogado com todas as documentações cabíveis, ela recebe os dois salários, como secretária de educação e como professora de 40h na folha de 60% que é do FUNDEB, assim como ela também tinha a Jaquiane e tinha o Chaguinha professores, só que recentemente foram normalizados, fizeram uma remoção e os lotaram em sala de aula, mas já tínhamos feito a denúncia.


A outra denúncia que fizemos foi sobre os funcionários que estão lotados no gabinete do prefeito, concorreram a licitações e não é permissível, como a senhora Maria Aparecida que é irmã do vereador Antônio Francisco das Chagas, fizemos também do motorista do prefeito, ele trabalhava como motorista do prefeito, mas o cargo dele está como controlador técnico do gabinete do prefeito, sendo que de acordo com a lei, até então não é permissível a menos que a pessoa tivesse um ensino superior, ou até o ensino médio e ele não tem, pois não concluiu o ensino fundamental. E assim tem mais outros, o salário de secretário, o Rildo no caso, ele ganha R$ 2.800,00, mas dando uma olhada nos balancetes vimos que o salário dele fica bem melhor do que isso, porque ele completa com diárias, chegando até R$ 3.000,00 A R$ 4.000,00, o que nos indigna é isso, funcionários lotados em áreas irregulares e não trabalham, ele não dá expediente no gabinete, assim como a senhora Maria Aparecida Damasceno não dá expediente, assim como o Bombaquim, Antônio Coelho que mora em Campinas, que trabalha em Campinas ele é cunhado do vereador Josivaldo, que é o conhecido Balinha e recebe um belo salário da prefeitura, da administração.

 


P.C: Uma mensagem para a população da sua querida cidade Pedro Laurentino.

Vereadora Francilene: É com muito carinho que me dirijo a Pedro Laurentino, a todos os pedrolaurentinenses, e dizer que vamos ter fé, vamos acreditar, porque é uma cidade muito passiva, uma cidade pacata mesmo, as pessoas são receptivas, nós só temos eu agradecer a Deus e dizer que sou muito grata por estar morando em Pedro Laurentino, porque o povo de Pedro Laurentino são pessoas maravilhosas, pessoas honestas, pessoas direitas que merecem o melhor, ou seja, o que eu quero dizer para eles, é que acreditem que o melhor vai acontecer é ter fé e trabalhar na linha da harmonia, da paz, da apaziguação e acreditar que nós vamos fazer a diferença, confiar que é possível se ter uma mudança para melhor.


FONTE: Portal Carnauba / Cicero Bill
Comentários
PRÓXIMA SESSÃO

Nenhuma sessão agendada!

VÍDEO

Aos 93 anos, Celso Barros fala do lançamento de novo livro

ENQUETE
Câmara Municipal de Pedro Laurentino Piauí

ENDEREÇO

Rua Beroniza Leopoldina de Sousa, S/N, Centro - Pedro Laurentino - PI

CEP: 64728-000

FALE CONOSCO

E-mail: camara@pedrolaurentino.pi.leg.br

Telefone:

© Copyright 2017 - Câmara Municipal de Pedro Laurentino - PI - Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium